Macaé News
Cotação
RSS

Petrobras lança seleção pública para produção de documentários

Publicado em 12/12/2014 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


Projeto pretende chegar à edição brasileira dos Jogos Olímpicos com mais de 50 títulos

Projeto pretende chegar à edição brasileira dos Jogos Olímpicos com mais de 50 títulos

A Petrobras lançou a quarta edição do proje­to Memória do Esporte Olímpico Brasileiro, que integra o programa Petro­bras Esporte & Cidadania. A iniciativa oferecerá mais de R$ 2 milhões à produ­ção de documentários. Os contemplados contribuirão para formar uma memó­ria audiovisual da história do Brasil nas Olimpíadas. A seleção pública é aberta a qualquer produtora de vídeo do Brasil inscrita na Agência Nacional do Cine­ma (Ancine) e vai contem­plar nove documentários, de 26 minutos, com R$ 230 mil cada um.

As inscrições estão abertas e devem ser feitas no site www.memoriadoes­porte.org.br até o dia 6 de fevereiro de 2015. O con­sultor de Comunicação da Petrobras Rodrigo Diullas destacou a importância do apoio à iniciativa e do re­lacionamento estabelecido com parceiros e patroci­nadores. “O projeto surgiu da preocupação da Petro­bras em resgatar, valorizar e preservar a história do esporte olímpico brasilei­ro. Essa iniciativa é extre­mamente relevante para a companhia, pois une dois importantes investimentos dela: cultura e esporte”, ressaltou.

Recentemente, durante o lançamento da seleção pú­blica foram exibidos trechos dos 11 títulos selecionados em 2013. Essas produções, que receberam recursos da ter­ceira edição do Memória do Esporte Olímpico Brasileiro, podem ser conferidas no ca­nal ESPN Brasil. Os interes­sados em concorrer aos re­cursos passarão por duas eta­pas de seleção. Na primeira, serão analisadas as propostas conforme a relevância e a aderência ao edital.

Na segunda fase, os classificados disputarão entre si em um pitching (defesa oral), feito para uma banca de profissio­nais que definirá os nove finalistas. Desde a pri­meira edição, em 2011, já foram realizados 31 filmes - 29 curtas (26 minutos) e dois médias (52 minutos), dirigidos por nomes como Cacá Diegues, Silvio Tendler e Laís Bodansky, entre outros. O projeto, cuja continuidade está asse­gurada até a Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016, pretende chegar à edição brasileira dos Jo­gos Olímpicos com mais de 50 títulos.

› FONTE: RJ News


sem comentários

Deixe o seu comentário