Macaé News
Cotação
RSS
Carreira e Sucesso - Por Reginah Araújo

Carreira e Sucesso Por Reginah Araújo

Carreira e Sucesso - Por Reginah Araújo

Criatividade

Publicado em 22/06/2015 sem comentários Comente!


Criatividade

A imaginação é a oficina do espírito humano, onde as velhas ideias e os fatos estabelecidos podem ser reunidos em novas combinações e empregados de nova maneira.

Da mesma forma que o carvalho nasce do germe existente na semente, e o pássaro se desenvolve do germe que dorme no ovo, assim também as nossas realizações nascem dos planos organizados que criamos em nossa imaginação. Primeiro vem o pensamento; em seguida a sua organização em ideias e planos; e, finalmente, a transformação desses planos em realidade.

O começo de tudo está na imaginação.

A imaginação tanto é interpretativa como criadora. Pode examinar fatos, conceitos e ideias, e pode formar com elas novas combinações e planos.

Através da sua capacidade interpretativa, a imaginação tem uma força que geralmente não lhe é atribuída: o poder de registrar vibrações e ondas de pensamento, postas em movimento por forças exteriores, do mesmo modo que o aparelho de rádio capta as vibrações do som. O princípio por meio do qual funciona esta capacidade interpretativa da imaginação chama-se telepatia, isto é, a comunicação do pensamento de um cérebro a outro, em grandes ou curtas distâncias, sem o auxílio de instrumentos físicos ou mecânicos.

O princípio da telepatia e a lei da atração explicam muitos fracassos. Se a mente tem tendência para atrair do éter as vibrações de pensamentos que se harmonizam com os pensamentos dominantes da outra mente, podemos facilmente compreender porque razão uma mente negativa, que mergulha no fracasso e não possui a força vitalizadora da confiança em si mesma, deixa de atrair uma mente positiva, dominada por ideias de triunfo.

Compreendemos a importância da imaginação quando refletimos que é ela a única coisa do mundo sobre a qual temos um controle absoluto. Podemos ser privados da riqueza, dos bens materiais, defraudados por todos os meios, mas nenhum homem nos poderá impedir de controlar e usar a nossa imaginação como melhor nos aprouver. (Napoleon Hill)

Veja aqui os seis principais pontos sobre o processo criativo:

1.     Anotar todos os insights

Tenha um bloquinho para colocar tudo o que vem à mente ou gravar em seu telefone. Uma vez por semana pelo menos pare e reveja tudo o que disse nos momentos criativas e a partir dai criar estratégias com datas e cronograma das ações.

2.     Observe o que acontece à sua volta.

Esteja atento à novas possibilidades, uma ideia de alguém pode servir para implementar a sua.

3.     Fique sozinho por alguns momentos

Muito importante a solidão criativa. Temos a tendência de ter muitas coisas ao mesmo tempo e sinceramente, sem tempo para pensar.

Agimos no piloto automático ou no impulso.

Parar de vez por alguns momentos pode ser um grande diferencial.

4.     Caminhe bastante

O caminhar ao ar livre faz com que sua imaginação fique mais criativa, o processo de ser criativa precisa de “tempo ocioso”.

5.     Faça brainstorming

Após ter tido a ideia crie uma estratégia de reunir amigos e fazer um toró de ideias de como poderá colocá-la em prática, além de conseguir várias situações diferentes, de quebra poderá obter a cooperação de cada um em diversas áreas do projeto.

6.     Saiba vender suas ideias

Nada significa ter ideias criativas, revolucionárias se não colocadas em prática.

Vender uma ideia é tão ou mais importante do que possui-las.

Ou seja, faça cursos sobre Oratória, Negociação, Feddback e Media Trainning.

Se prepare para quando o momento chegar e assim ter as técnicas de influenciar pessoas e vender sua ideia de forma rápida e eficaz.

Carreira e Sucesso

Por Reginah Araújo

Classificados

+ anúncios

sem comentários

Deixe o seu comentário