Macaé News
Cotação
RSS
BreakFest - Por Sergio

BreakFest Por Sergio

BreakFest - Por Sergio

Legalização da cannabis, porque não?

Publicado em 20/07/2017 sem comentários Comente!

Legaliza Brasil!!!

Legaliza Brasil!!!

O Brasil se mostra sem inteligencia, e sem a menor sensibilidade, das que podemos considerar, mentes pensantes. Vêem tudo pelo lado menos evidente. Ao passo, que países vizinhos, crescem dando uma aula de atualidade e progresso. O Uruguai legalizou a maconha para uso recreativo. O que já acontece no Brasil, digo, o uso. Porque a proibição, que já matou e continua matando é ativa, e durante o tempo que levei para escrever esse pequeno artigo, já matou mais alguém! E ainda falam em intervenção militar e outras ignorancias, que só alimentam essa guerra vencida, que só favorece aos traficantes e aparentemente a políticos, esses governantes que corromperam destruindo o Brasil. Esses, certamente fecham esse elo, que fatura milhões anualmente, a custas de vidas de civis e militares. Não é possível que a permissão para tantas mortes se dê, em nome do que nunca matou ninguém! Dizer que drogas destroem famílias...
A droga que mais mata é o álcool, recordista em acidentes e outras tragédias, é legalmente consumido, ao passo que a maconha, que lista os últimos lugares, na periculosidade do uso de drogas, apesar de ser a droga mais consumida, é proibida. Gerando crimes absurdos. Que país é esse? Da corrupção, desses ricos, que temos que engolir, mesmo sabendo das ilegalidades de suas fortunas. Enquanto consumir um cigarro de maconha, pode te levar a morte.
Só é a favor desse proibicionismo, quem mora longe de comunidades, onde vidas são ceifadas, quem nunca teve um parente morto por essas balas perdidas, que nos rondam. Moradores de favelas e bairros pobres, que sofrem com perdas diárias de parentes, amigos e conhecidos. Vamos enxergar os países que saíram da ignorância e hoje, faturam trilhões, que aqui, são endereçado a traficantes e seus mandantes.!

 

BreakFest

Por Sergio

Agenda

+ eventos

sem comentários

Deixe o seu comentário
Digite as palavras abaixo: